Outubro 04 2006

Bem, neste tempo de aulas o tempo para escrever no blog é pouco, mas por outro lado são mais as situações "diferentes" que vivo e de todos os tipos. Entre elas contam-se "aquelas" conversas que de vez em quanto se ouvem vindos dum banco perto do nosso. Não é coscuvilhar, mas simplesmente não posso tapar os ouvidos e ir a dormir.

Estava eu a vir para casa no autocarro quando, antes de mais, reparei que uma rapariga (que se encontrava num banco à minha frente, na outra fila) trazia no colo um livro. Prestando mais atenção vi o nome do autor e parte do título, que reconheci como sendo o livro 11 Minutos de Paulo Coelho. Primeiramente fiquei contente (contente não é sinónimo de feliz, neste caso) por ver alguém com um gosto tão grande pela leitura que até trás os livros para o autocarro, mas depois ocorreu-me a ideia que talvez ela não fosse uma apreciadora da leitura, mas sim alguém que gosta de dar nas vistas como... intelectual. Ela não estava a ler o livro e não era a primeira pessoa que via a passear os livros (literários), fazendo-se passar por leitora, só para dar nas vistas.

Isto serve só para dizer que não é por andar com livros na mão ou os esfolhear de vez enquanto (sim, pois conheço pessoas que esfolheiam  um livro numa hora e dizem que o leram todo, isto sem exagero) que somos leitores e apreciadores de obras literárias, até porque a leitura deve ser um acto de prazer e não um critério social.

Mas não são só coisas más (se é que isto é mau) que se vêem, e ouvem, no autocarros. Na mesma viagem vinham dois jovem mais velhos do que eu a ter uma conversa que, quando comecei a ouvir, não mais consegui parar e só me apetecia participar também.

Estavam, muito seriamente, mas duma forma informal obviamente, a debater o racismo religioso. Conversa atrás de conversa, e depois de terem defendido muçulmanos, budistas e outros tantos, um dos intervenientes citou O Código da Vinci. Depois de contar os traços gerais da história ao companheiro de viagem, que não leu o livro (duma forma tão "boa" que até a mim surpreendeu), começou a falar das influências que este livro tem sobre quem o leu. Foi sem dúvida uma conversa interessantíssima (apesar de eu só estar a ouvir), e serviu para me provar que existem pessoas com as quais diariamente me cruzo, que são óptimos leitores e pessoas com as quais é possível sobre literatura, esse "bicho-papão" para tanta gente.

Aproveitem o feriado e estejam mais atentos ao que se passa à vossa volta.

Até breve e Boas leituras!!!

Publicado por Fábio J. às 15:00

Sinceramente, ainda não percebi o que essas pessoas que se tentam fazer passar por intelectuais ganham com isso... Enfim, cada um com a sua mania. Andar com um livro na mão só para dizer que se lê são realmente atitudes digamos, muito infantis...Mas também conheço gente dessa! Há por todo o lado!
Acredito que a conversa tenha sido interessante! Sempre que tenho a oportunidade de debater esse assunto, não a perco! mas verdade seja que não há muita gente com quem se possa ter uma BOA conversa sobre um BOM livro... Pena.
cricri a 4 de Outubro de 2006 às 16:22

Tens toda a razão quando dizes que é difícil encontrar alguém com quem se possa falar sobre um livro, por mais conhecido que seja, pois este tema é sempre erradamente compreendido como chato e desinteressante.
Esta foi uma das principais razões que me levaram a criar este blog onde, felizmente, já encontrei pessoas extraordinárias e que, como eu, adoram ler (entre elas estas tu claro).
Obrigado por comentares e volta sempre!!1

P.S.:Boas Leituras!!!
Fábio J. a 4 de Outubro de 2006 às 16:39

ontem na aula de Português, fizemos 1 inquérito acerca dos hábitos de leitura. Claro, que eram muito poucos! lol
Fiquei um bocado «Hello» quando soube que ainda havia pessoas que liam banda desenhada (cuja leitura acho que seja quase medíocre, é quase o mesmo que não ler) e outros que quando começam a ler nunca chegam a acabar.
Eu ainda não li o Código da Vinci, não por não querer, mas por não ter ainda a oportunidade de.
Também na aula de Português, fizemos um contracto de leitura. Onde teremos de ler um artigo e uma obra literária.
Claro que a maioria não ficou nada contente, mas para mim não vai ser nada difícil ler. Adoro ler! E é bom saber que existem mais pessoas que apreciam a leitura de um bom livro.
P.S. Gosto muito do Letras!
*.*
ana oliveira a 4 de Outubro de 2006 às 18:42

Não concordo totalmente quando dizes que ler banda desenhada é medíocre ou quase nada. Pode não ser o melhor exemplo duma boa leitura (que não é) mas eu, por exemplo quando era pequenito, praticamente só lia banda desenhada. Ok, cada idade, cada género literário , mas não te esqueças que existem pessoas com idade para serem pais que adoram BD, e afinal, BD é um género literário e tal como há gente que gosta de ler Biografia, Cartas, Romances ou Ficção Científica acho normal que existam pessoas que gostem de ler BD. Apesar de não os ler como livro de cabeceira acho sempre muita piada à BD das revistas e no fundo isso já é uma leitura.

Por acaso eu também vou ter de ler uma obra literária e fazer a sua a análise para Português durante este ano, e tal como tu na minha turma muita gente quase que desmaiou só de pensar que vão ter de ler. Eu adoro ler mas respeito (apesar de não compreender totalmente) que não gosta de ler.
Obrigado por comentares e volta sempre que quiseres.

P.S.: desculpa o tamanho do post !

Se não se importem que me intrometa na discussão:
Eu adoro ler, e não é por isso que não deixo de ler banda desenhada, gosto imenso! Principalmente género Disney e Tio Patinhas :D
O ano passado, a minha turma também teve que fazer um contrato de leitura. Inicialmente tinha sido acordado 2 livros por período, resultado: toda a gente a dizer que era impossível, que era muito. Passou para 1 livro por período, e acabou em 1 livro durante o ano inteiro... mas ainda houve gente que nem sequer leu o livro que apresentou! Depois admiram-se como está este país! Alunos que nem um livro por ano lêem!


P.S.: Crítico, como tens aqui o e-mail do blog, tomei a liberdade de te enviar um mail sobre "Eldest". Espero que não te importes...
cricri a 4 de Outubro de 2006 às 21:44

1º: Também gosto muito das BD's da Disney (eram essas que lia quando mais pequeno).

Tal como dizes, e comprovado por nós três, é verdade que existe muita gente para quem ler é uma atrocidade e até ficam ofendidas se lhes perguntarem se lêem.
No outro dia por causa do tema na aula, no meio duma conversa, disse que comprava livros na net. Perguntaram-me então se eu gostava de ler. Eu obviamente e disse que sim. Bem, fui praticamente gozado por colegas por dizer que lia todas as noites, sempre que podia. Acharam imensa piada e foi praticamente a mesma coisa que dizer uma anedota.
Isto só reflecte que muitas pessoas, ao contrário do que se diz, têm tempo para ler, mas não o fazem porque acham esta actividade ridícula, digna dum circo.
Depois perguntam-se como é Portugal pode evoluir, sabendo que existem pessoas estúpidas como estas.

Nem sei se hei-de de rir ou de chorar com essas situações. Sim, acho que todos os que gostamde ler já foram alguma vez gozados com isso. A mim também já me aconteceu, o que revela uma ignorÂncia tremenda por parte dos que criticam a leitura. Ainda aconteceu ontem comentar com uma colega que uma amiga nossa estava a ler um livro. A resposta: "A ler?!?" Nem adiantei a conversa para dizer que era "Harry Potter" caso contrário já imaginava o que seria! Uma trsisteza! Enfim... Deposi ainda há situações do género: "Que horror! como consegues ler um livro tão grande! Ha tanta coisa onde passar o tempo, vais passá-lo a ler?!"
Realmente a situação que viveste foi vergonhosa para quem a a entendeu como "anedota". Só ainda não percebi qual o problema que há em ler! É que eu ainda não consegui encontrar desvantagens!
cricri a 5 de Outubro de 2006 às 18:18

Ainda bem que não disseste que era Harry Potter pois caso o fizesses a tua colega passava a ser uma totó.
Uma das coisas que muita gente pensa é que quem lê, porque gosta, não faz mais nada e não gosta de mais nada, o que é uma autentica estupidez.
Quem lê fá-lo porque gosta e porque tem tempo (por vezes não muito) para o fazer, para além de ter a consciência que ao ler está a melhorar em muito, as suas competências e cultura geral. No entanto quem lê (pelo menos eu) também gosta, ou adora, cinema, televisão, musica, e diversão no geral.
Enfim, cada um pensa como quiser e não sou eu que vou obrigar as pessoas a amar a leitura (até porque em alguns casos é impossível, tão grande é a anormalidade que passa por aquelas cabeças ingénuas).
Fábio J. a 5 de Outubro de 2006 às 19:44


Concordo inteiramente contigo... Eu ando de comboio; nem imaginas a quantidade d gente q anda por lá todos os dias a passear os "livros da moda"! Tudo o q seja considerado "in" ou elitista (tipo Paulo Coelho, M.Sousa Tavares e o seu "Equador", Nicholas Sparks, etc,etc,etc...) serve p trazer nas mãos - o q não significa q gostem efectivamente dos livros, o q os entendam (uma miúda q conheço abandonou O Código Da Vinci ao fim d 2 pág dizendo não perceber nada d história!)... Enquando cultivarmos apenas o exterior não vamos a lado nenhum!...
phia_t a 9 de Outubro de 2006 às 17:37

Gostei da expressão:"livros da moda" até porque é bem verdade.
Há tanta gente que não gosta de ler mas tenta passar um imagem diferente da que realmente é, através dos livros, que realmente penso que cada vez mais os livros são um objecto decorativo e personalizado do que um objecto cultural e que só deve ser utilizado por quem têm prazer ao usa-lo.

Obrigado por comentares. Até breve!!!
Fábio J. a 9 de Outubro de 2006 às 17:53


Foi graças a esses trabalhos d escola (só 1 livro por ano, como é óbvio!) q descobri "O Alquimista"... E fui para a FLUL!
phia_t a 9 de Outubro de 2006 às 17:43

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
A ler...
Tales of Earthsea

Romeo and Juliet

comentários recentes
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
E Jack london?Eça de Queiros.....
Também adorei!:http://numadeletra.com/a-mancha-hum...
Quando será lançado o quarto livro em português do...
Estou agora a ler esse livro e este seu texto deu-...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


Leitores Online
online


O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa