Março 31 2007
Nunca na minha vida tive a sensação de que o tempo passasse tão depressa. Hoje acaba Março. Já lá vão três meses. Passou depressa! Sério! Mal notei. Acho que isto são sintomas da idade... estou a ficar velho.
Este Sábado foi o dia em que acordei mais cedo, desde o começo das férias. E porquê? Compras! Não é algo que adore, mas por vezes pode ser uma actividade interessante. Numa das lojas que visitei (ir às compras tem, para mim, de incluir uma visita a um local onde se vendam livros) duas funcionárias estavam a reorganizar os livros. A certa altura, uma delas espetou com um monte de livro no chão. Pensam que se importou? Nada disso. Deixou-os ficar lá, estendidos, com as capas dobradas e a servir de tapete. Não há respeito pelas obras! São arte e fruto do trabalho de alguém! Enfim...
Mas hoje não vos venho falar destes “frutos” em geral, mas sim dum que me especial prazer saborear. É ele O Hobbit, fruto do trabalho e da grandiosa mestria de Tolkien. E que mestria! Se me tinha encantado com o que li em O Silmarillion e em Contos Inacabados, neste livro apenas posso dizer que fiquei duplamente encantado, maravilhado até.
Esta é a primeira obra não póstuma de Tolkien que leio. Talvez muitos dos meus adjectivos se devam a isso, ao facto desta obra ser particularmente pensada para ser publicada. O certo é que descobri uma escrita muito mais intimista, muito mais artística e, de certo modo, mais interessante e aprazível do que as restantes obras.
Tal como devem calcular ou saber, esta obra fala-nos dum hobbit. Mas não dum hobbit qualquer, Bilbo Baggins é o seu nome. Este pequeno ser não gostava de aventuras. Preferia ficar sentado no seu buraco, perto da lareira, a fazer anéis com o seu cachimbo ou a comer. No entanto, um dia, entra relutantemente numa aventura que o iria marcar e mudar a história duma terra. E é essa aventura que a obra narra.
Conduzido por Gandalf, o já conhecido feiticeiro, e acompanhado por treze anões, este velho hobbit embarca numa aventura que o fará cruzar-se com trolls, gnomos, águias e aranhas falantes, elfos, estranhos homens e mesmo um dragão, mas aqui só incluo algumas.
Percorrendo caminhos sinuosos e sombrios, o hobbit revela coragem e sabedoria, mesmo para sua própria surpresa. Sem ele, o grupo dos complexos anões não teria durado muito tempo, e esta história pura e simplesmente não teria sentido.
Momentos como as conversas com Smaug, o dragão, e Sméagol, o corrompido, são únicos, mas é a perspicácia de Bilbo em se desembaraçar dos problemas, muitas vezes com a ajuda do anel um, entretanto encontrado, que nos faz suster a respiração e louvar a magnificência da obra.
Ao contrário das outras obras que referi, nesta os elfos e a mitologia tolkiana em si não têm grande importância. É uma obra que serve perfeitamente como primeira abordagem ao mundo do mestre. Refere Elrond, Gandalf, o Anel um, as diferentes raças e os locais habituais, no entanto é contado duma forma muito mais leve, menos dependente do restante.
É uma obra fantástica que recomendo vivamente. Não precisam de ter lido Tolkien, de gostar de fantasia ou ser leitores assíduos. Esta obra ultrapassa qualquer barreira, e embora possa estar escrita duma maneira mais infantil, a mestria e a beleza são os pontos reinantes.
Momentos de riso, raiva, pasmo ou até medo e tristeza, esta obra transporta-nos através duma tempestade, num barco à leva.

O Hobbit de J. R. R. Tolkien

Bom fim-de-semana e Boas Leituras!
Publicado por Fábio J. às 23:05
Tags: ,

já li uma versão abreviada de O Hobbit e adorei, mas, tal como vou fazer com Os Contos inacabados, não vou ler este ate acabar a trilogia.
Boas Leituras
leitor a 1 de Abril de 2007 às 10:25

Não te posso dizer que a melhor sequência seja Hobbit - Senhor dos Anéis ou ao contrário, pois ainda não comecei a ler SDA. Contudo, acho esta obra muitissimo diferente das outras duas que já li. É um verdadeiro conto. Uma história no sentido máximo da palavra. E uma boa história!
Tens de ler.

Experimenta!
Fábio J. a 1 de Abril de 2007 às 21:18

Está definitivamente na minha lista :D

Ainda bem que gostaste do livro..

beijO**
Dee a 1 de Abril de 2007 às 12:27

Gostei bastante. É um daqueles livro que recomendámos a um amigo.
Acho que irias gostar. É leve e, para ser directo, bonito.
Fico à espera dum opinião, depois de o leres...

Até Breve!
Fábio J. a 1 de Abril de 2007 às 21:19

Grande comentário, deves ter mesmo adorado o livro. Fiquei ainda com mais vontade de o lêr, depois do que disses-te sobre ele. A verdade é que já o tenho da prateleira, mas com os livros obrigatórios para a escola e outros que já se acumulam na cabeceira, o hobbit foi ficando para trás.

Definitivamente, vou ter de arranjar um tempinho para ele.

Bjo*
Night_Angel a 1 de Abril de 2007 às 14:47

Por acaso gostei bastante. Acho que a minha opinião sobre os livro também varia conforme o meu estado de espírito, contudo a verdade é que passei bons momentos com este livro.
Normalmente, por muito que goste da obra, tenho sempre parar de ler quando já é tarde. Com esta obra a tarefa é praticamente impossivel. Gostei muito. Dos melhores que li.

Se o tens ai à mão, aproveita.
Fábio J. a 1 de Abril de 2007 às 22:02

quando li este post , lembrei-me que à algum tempo atrás aconselhei-te a ler os contos inacabados, o hobbit , e todas as obras de Tolkien , pois tu ainda não tinhas lido nenhuma. E embora não tenha sido por causa do meu conselho que começas-te a ler as obras de Tolkien , gosto de pensar que talvez a minha opinião tenha influenciado a tua escolha, já que já leste 3 das obras que eu te tinha indicado!!!!!!!!!

Quanto ao Hobbit , se gostaste tenho a certeza que também vais adorar o senhor dos anéis . Para mim a trilogia do senhor dos anéis são os melhores livros de Tolkien . Mas o hobbit é realmente muito bom. só não gostei mais dessa obra porque eu estava habituada a seguir as aventuras do Aragorn e dos outros hobbits no livro o senhor dos anéis , e eles não aparecem em o hobbit , e embora isto possa parecer estúpido pois são apenas personagens, eu tive saudades deles, principalmente do meu menino lindo, o Aragorn . é tolo dizer isto mas eu adoro aquela personagem!!!!!!!!!!!

mas não há duvida que o hobbit é realmente um livro fantástico, e acho que toda a gene devia lê-lo pois penso que para que esse deve ser o livro mais acessível do tolkien , não que os outros não sejam, mas para algumas pessoas, principalmente para quem não está habituado a ler muito, pode ser um pouco difícil compreende-los.

mc a 1 de Abril de 2007 às 22:25

Acredita que foste bastante influenciadora. As tuas opiniões constantes ajudaram a que a minha vontade de ler crescesse.
E é claro que as ideias trocadas foram muito enriquecedoras.
Agora quero continuar com a obra que dizes ser a melhor de Tolkien. Falta pouco...

Sinceramente estou a contar com algo muito diferente. Não sei porque a ideia de este ser um prelúdio da trilogia não me encaixa bem. É lógico que a nível de coerência temporal possa ser óptimo, mas não espero uma obra com a mesma linguagem, a mesma clareza, a mesma beleza. Posso estar completamente enganado, mas depois verei.
Espero um Senhor dos Anéis mais maduro e complexo do que O Hobbit, de certa forma, mais obscuro.

Este livro serviu ainda para aumentar a minha curiosidade face a Gandalf e também gostei muito de Bilbo. É uma personagem muito caricata.

Sem dúvida que este livro pode e deve ser lido por todos. É acessivel e magnífico. A combinação perfeita.

Até Breve e Boas Leituras!!!

tens toda a razão, a Trilogia de o senhor dos anéis é bastante mais madura do que todos os outros livros. Talvez por se tratar de um conjunto de 3 livros, esta obra é bastante mais rica em pormenores e foca mais o carácter das diferentes personagens. É uma obra bastante diferente, a linguagem é diferente, a relação que se estabelece entre o leitor e as personagens é também muito diferente. O leitor acaba por acompanhar as aventuras de todas as personagens durante o ano todo em que decorre a demanda do anel, e enquanto que noutros livros de Tolkien , não existia um carinho muito especial pelas personagens, pois elas eram muitas e muito variadas, excepto em o Hobbit , em O senhor dos anéis , elas são sempre as mesmas e à medida que vamos avançando na leitura do livro vamos descobrindo mais sobre essas personagens. o único defeito que eu encontro é a história de arwen e Aragorn não ter sido mais explorada, pois ao contrario do filme, quase que não existe referencia a este grande amor no livro, excepto no final.

No entanto, no final do 3º livro existem cerca de 100 páginas a explicar coisas sobre os reis de Gondor e rohan , e sobre o povo dos anões, e aparecem algumas páginas onde é contada na integra a história de aragorn e Arwen até à morte de ambos, e é na minha opinião uma história magnifica. tenho quase a certeza que vais gostar desta trilogia..............
mc a 2 de Abril de 2007 às 20:29

Por um lado, uma das coisas que penso ser melhor com a trilogia é precisamente o desenvolvimento. Estou à espera de ver maior numero de descrições e um narrativa mais pormenorizada, à semelhança com o que aconteceu com O Hobbit.
Também notei que a ligação com as personagens é diferente. Hoje, até considero Bilbo num verdadeiro herói, numa personagem fantástica. Por mais que ache Turin, Beren ou Fëanor fascinantes, as narrativas sobre eles não são muito completas.
Deixaste-me curioso em relação a Aragon (que é uma personagem que, nos filmes, nem me fascina muito) e Arwen. Mal posso esperar.
Também acho que vou gostar. Afinal gostei de todas as outras obras.

Bye

não sei se vais gostar do aragorn , mas eu pelo menos gostei muito, mas neste livro vais achar algumas personagens emocionantes, como por exemplo o Sam sempre fiel e maigo , vais encontrar verdadeiros heróis , como o Aragorn , o Gandalf e o Frodo , vais encontrar personagens cómicas , como o merry e o pippin ............. esta é uma história diferente de todas as outras que Tolkien escreveu, mais rica em pormenores, em caracterizações , em história, em suspense , em tudo. Lê porque tenho quase a certeza que vais adorar, se gostaste muito de o hobbit também vais gostar de o senhor dos anéis !!!!!!!!!

E dou-te outro concelho quando leres os livros volta a ver o filme, pois acho que o vais encarar com uma perspectiva diferente, e vais adorá-lo.

Fica bem!
mc a 3 de Abril de 2007 às 11:47

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
A ler...
Tales of Earthsea

Romeo and Juliet

comentários recentes
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
E Jack london?Eça de Queiros.....
Também adorei!:http://numadeletra.com/a-mancha-hum...
Quando será lançado o quarto livro em português do...
Estou agora a ler esse livro e este seu texto deu-...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


Leitores Online
online


O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa