Junho 10 2008
Como a maioria daqueles que gostam de ler, também eu já experimentei o outro lado do universo literário: o lado escrita. Uma das incursões criativas que mais prazer me proporcionou, consistiu numa história passada durante o domínio muçulmano na Península Ibérica. O al-Andalus era o ambiente de fundo e a luta entre as duas civilizações dominantes, muçulmana e cristã, parte do mote principal. Acabei por abandonar este projecto, e esqueci-o, até ao dia em que me deparei com A Escrava de Córdova.
Da autoria de Alberto S. Santos, esta obra foi recentemente lançada sob a alçada da Porto Editora e promete dar a conhecer “o ângulo mais brilhante, mas também o mais duro e cruel, da civilização muçulmana do al-Andalus”.
A acção decorre algures no dobrar do primeiro milénio, época de grandes tensões na Península Ibérica. A narrativa revela a mentalidade, a geografia, o quotidiano urbano, as concepções religiosas e a fremente história daquela época, mas, sobretudo, a intensidade com que se vivia na terra onde, mais tarde, nasceram Espanha e Portugal.
Através desta obra seguimos a vida de Ouroana, “uma jovem nobre cristã, filha do Conde Múnio Viegas, primeiro Governador de Anégia e fundador da família dos Ribadouro. Remonta a uma época especial da História peninsular, a da fragilidade dos Reinos Cristãos e do tempo áureo do Califado Omíada sedeado em Córdova, onde governava (em nome do Califa) o seu chefe militar e civil mais conhecido: Almançor.
A Escrava de Córdova entrecruza três culturas e religiões (cristã, árabe e judaica) com um relato de amor intemporal e momentos históricos verídicos ligados à história peninsular, que importa conhecer.”
Talvez esteja a ser influenciado pelo meu gosto por História, nomeadamente a desta época, ou talvez por já ter lido, pesquisado e escrito sobre ela mas, seja como for, esta narrativa parece-me ter um argumento excelente, contextualizado duma forma interessantíssima. Resta saber se o autor domina a arte de contar. Se assim for, pelo menos para aqueles que gostam de um bom romance histórico esta é uma obra a não perder... só me falta vir parar às mãos!
Fica a sugestão.
A Escrava de Córdova de Alberto S. Santos
 
Boas Leituras!
Publicado por Fábio J. às 22:18

http://infimo.blogs.sapo.pt/

Este blog é sobre pormenores. Sobre a vida que passa e que não vemos. Sobre aquelas coisas sem importância, mas que aquece o coração de quem as vê.

Vem ver.
Visita, comenta e divulga.

Obrigado.
Miguel a 17 de Junho de 2008 às 23:07

Como o crítico que és eu gostaria de te pedir um favor... Estou a pensar em escrever um livro de poesia, mas não tenho a certeza se os meus textos são suficientemente interessantes para os transpor para um livro, é por isso que gostaria que me desses a tua opinião sobre uns textos que te enviarei por e-mail (se o quiseres fazer,claro).
Obrigado pela atenção
Boa semana
phebus a 23 de Junho de 2008 às 14:08

Podes enviar! ;)
Garanto-te uma opinião sincera mas, infelizmente, mais nada... mesmo que goste muito, pouco posso fazer e lembra-te, é a simples, mas sincera, opinião dum leitor.

Caso não saibas, o mail do blog é livros.blog@sapo.pt.

Fico à espera.
Fábio J. a 28 de Junho de 2008 às 19:37

Estou a ler e a adorar! Só na primeira noite li 180 págs!! A história é mto bonita e confesso que já fui aprendendo bastante :)
Zezette a 9 de Julho de 2008 às 15:03

Um dos factores que também me atraiu neste livro foi a sua parte lúdica já que, ela sinopse, e agora pelo que escreveste, a obra deve conter vários pormenores históricos muito pouco explorados na literatura e mesmo nos livros de História.
Este está na minha lista e espero não demorar muito até lê-lo.

Obrigado pela opinião. Boas Leituras ;)
Fábio J. a 10 de Julho de 2008 às 23:38

Apesar de não gostar muito de História Mundial, a de Portugal e da Península Ibérica sempre me fascinou. Ultimamente são os romances históricos que mais têm prendido a minha atenção e a tua descrição da "Escrava de Códova" deixou-me intrigada e com vontade de lhe pôr os olhos em cima.
Cheguei aqui há pouco tempo por intermédio de um bom amigo e pelo que já vi dos arquivos, está aqui um bom blog. Acabas de ganhar uma leitora assídua.
Boas leituras :)
Isabel Maia a 19 de Agosto de 2008 às 17:18

A História, seja ela de onde ou de que época for tem o poder quase sobrenatural de me atrair. No entanto, como digo no post, o contexto da Escrava de Córdova é-me particularmente apelativo. As invasões muçulmanas sempre foram vistas apenas pela perspectiva mais negra... talvez este livro mostre o outro lado.
Infelizmente ainda não o consegui ler mas pretendo seriamente faze-lo.

E obrigado pela confiança depositada. ;)
Boas Leituras!
Fábio J. a 20 de Agosto de 2008 às 18:39

Devorei o livro, cada pagina que lia queria ler outra de seguida. Adoro ler.

Vou começar a ler " Um sopro de Vida" de José Rodrigues dos Santos. Li todos os livros dele. Tem uma boa narrativa.

Boas leituras.
CRISTINA a 11 de Novembro de 2008 às 13:48

desculpem o lapso, o titulo do livro é " A vida num sopro".
cristina a 11 de Novembro de 2008 às 14:04

Eu estou à espera que alguém me dê este livro no Natal... :D

Como já escrevi várias vezes a temática deste livro diz-me algo em especial por isso gostava de lê-lo. Já me deram opiniões positivas e negativas, o que me desperta ainda mais curiosidade...

Quanto ao "A Vida num Sopro", sinceramente não desperta muito interesse, mas quem sabe. Primeiro ainda tenho de ler o Sétimo Selo.
E quando ao "Um sopro de vida", não te preocupes pois não és a primeira que lhe dá esse nome. ;)

Boas Leituras!
Fábio J. a 11 de Novembro de 2008 às 21:53

" O Sétimo Selo" é muito interessante. Foca um tema super importante, como a degradação do ambiente e os interesses monetários acima de tudo... O poder do petróleo...

Aconselho a leitura.
Cristina a 12 de Novembro de 2008 às 13:02

Gostaria de Ler o livro porque tem uma capa muito atractiva. No entanto não tenho muito tempo para ler e acaba por ser um livro com muita leitura e poucas imagens.

Um grande abraço de uma amiga para o Dr. Alberto Santos que é uma pessoa com muita classe e sabe estar em todas as ocasiões!
Conceição Lopes a 31 de Agosto de 2009 às 18:12

Apesar de estar de férias e de ser da área de literatura ainda não consegui ler o livro. No entanto estou a pensar lê-lo em breve, ainda por cima por ter sido escrito pelo presidente da câmara municipal de Penafiel, a minha Terra!

É uma pessoa muito simpática e competente na sua área.

Um abraço de Penafiel =  D
Marlene de Carvalho a 31 de Agosto de 2009 às 18:15

Eu gostava de ler o livro pelo que traz de histórico. Espero lê-lo, mais tarde ou mais cedo.

Um abraço e obrigado pela visita ;)
Fábio J. a 2 de Setembro de 2009 às 23:15

Já li o livro e adorei. 
O melhor de todos os tempos!






Mariana a 30 de Novembro de 2012 às 18:58

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
A ler...
Tales of Earthsea

Romeo and Juliet

comentários recentes
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
E Jack london?Eça de Queiros.....
Também adorei!:http://numadeletra.com/a-mancha-hum...
Quando será lançado o quarto livro em português do...
Estou agora a ler esse livro e este seu texto deu-...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


Leitores Online
online


O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa