Agosto 20 2008
Depois de O Voo do Dragão e de A Demanda do Dragão, a Gailivro lançou recentemente O Dragão Branco, editando assim as três obras que compõem a trilogia original de Os Cavaleiros de Pern. A trilogia, mundialmente conhecida, havia já sido editada em Portugal pela Livros do Brasil, editora que, juntamente com a Europa-América, traduziu para português várias obras de Anne McCaffrey.
Nesta história, Pern está novamente em risco e só Jaxom e Ruth, o seu dragão branco, poderão evitar a catástrofe e salvar o mundo. Leia-se a sinopse:
Jamais houve uma ligação tão próxima como a que existe entre o audacioso e aventureiro jovem Senhor Jaxom e o seu extraordinário dragão branco, Ruth. De um branco puro e incrivelmente ágil, Ruth é um dragão com muitos talentos, embora quase todos os habitantes de Pern o considerem um anão que nunca chegará a lado algum. Jaxom, porém, sabe que não é assim. Ele sabe que pode ensinar o seu dragão a voar e a destruir os mortíferos Fios prateados que caem do céu. Desobedecendo a todas as regras, Jaxom e Ruth treinam em segredo. Os seus voos ilícitos parecem constituir apenas uma desobediência de somenos importância – até darem por eles na rota do perigo e em posição de impedir a maior catástrofe de sempre…
A editora demorou dois anos a editar as três histórias, mas fê-lo, para surpresa de muitos. A série, que conta com cerca de duas dezenas de livros, é um clássico e com ela a autora granjeou uma legião de fãs que atravessa gerações.
Como apreciador de fantasia não posso deixar de me interessar por esta referência e divulga-la. Anne McCaffrey não é das autoras que mais curiosidade de desperta, por isso ainda não a li. No entanto, quem sabe se agora, com a reedição completa da trilogia, não a lerei, em breve.
LInks: Dragonriders of Pern (Wiki) | Site oficial da autora
 O Dragão Branco de Anne McCaffrey
 Até Breve e Boas Leituras!
Publicado por Fábio J. às 23:03

Boas!!!
Nunca li nenhum livro desta trilogia e com os humores com que eu ando, talvez demore, no entanto, a capa do livro atraiu-me. Se há algo decisivo, quando pretendo comprar um livro, são as sinopses e o grafismo da capa. Posso mesmo dizer, que se o livro não me causar uma impressão visual, se não me chamar visualmente, é excluído da minha lista de "livros que me atrevo a ler"!!! xD Não sei se isso acontece com muitos, mas comigo sim - boa capa, faz-me ler a sinopse; boa sinopse faz-me comprar o livro!!!

No Dragão Branco, a capa està espectacular. A sinopse, infelizmente, na minha opinião, não chega aos calcanhares da capa, embora não seja mà de todo!!!

Tudo isto para dizer, que o sucesso de um livro não é unicamente atingido devido ao conteudo da història, mas a todo o floreado de marketing que lhe està ligado ;)
stevs a 21 de Agosto de 2008 às 08:54

Tal como tu também vejo nas ilustrações das capas uma forma de atrair a atenção de possíveis leitores. Antes de comprar um livro encho-me de informação acerca dele, e portanto a capa não é um critério decisivo para mim, mas é importante. É a primeira interface de comunicação, por assim dizer. Lembro-me, por exemplo, que o meu interesse pela obra de Ursula Le Guin começou devido à capa do 5º livro do ciclo de Terramar. Gostei da capa, li sinopses, e acabei por ler o ciclo todo.

Mas numa coisa discordo: não acho a capa do Dragão Branco grande coisa. ;) A sinopse não é grande coisa: é um sinopse. Mas eu guio-me também pelo Wikipédia, por exemplo, para me informar.

Quanto à capa, gostos são gostos! Ainda bem que todos não temos os mesmos!!! Quanto à sinopse, acho que não deve ser unicamente uma sinopse, mas um bom golpe de marketing: Revelar um pouco da acção, sem no entanto dizer os seus "segredos"; deve ser uma formula bem jogada que d^e ao leitor uma noção do que o espera, mas ao mesmo tempo lhe esconda promenores, fazendo-lhe crescer a vontade de descobrir todo o mundo, todos os sonhos e maravilhas que aquele livro lhe pode proporcionar. E Quando se trata de conquistar pessoas que estão como eu: com vontade de ler, não um livro qualquer, mas sim "O Livro", a sinopse (bem como a capa) revela-se algo decisivo.
é apenas a minha opinião!!!

;)
stevs a 25 de Agosto de 2008 às 08:39

sempre o mesmo apaixonado pelo fantástico.

boa leitura
Cláudia Oliveira a 21 de Agosto de 2008 às 20:43

Sempre ;)
Sendo este um género que reune o melhor dos outros e ainda tem o seu toque mágico, como não me apaixonar?

É como o mundo e a vida: também eles são fantásticos!

Boas Leituras!:p
Fábio J. a 24 de Agosto de 2008 às 22:51

Comprei este livro hoje mesmo! Gostei bastante dos dois primeiros e estou com boas expectativas para este. Realmente, com a demora da publicação do segundo livro, cheguei a perder as esperanças que a Gailivro continuasse a publicar a autora, mas felizmente isso não aconteceu.
canochinha a 24 de Agosto de 2008 às 16:32

Nunca tinha ouvido falar destes livros. Mas parecem muito interessantes.

há cada vez mais livros a incidirem-se essencialmente sobre dragões e sobre os seus cavaleiros. é um conteúdo da literatura fantástica que tem sido cada vez mais aprofundado. e eu acho que isso é muito bom. Porque cada escritor quer fazer sempre mais e melhor, e a partir dessa "disputa" acabamos opor ter livras cada vez mais interessantes e dignos de leitura. espero que estes livros sejam desse tipo....


Por agora afastei-me um bocado deste tipo de literatura. estou a descobrir os escritores portugueses, que muitas vezes são esquecidos, mas que também possuem obras de grande valor. Neste momento descobri a Luisa Beltrão. os livros dela são fascinantes pois a partir de relatos da sua avó sobre a sua família, esta escritora foi construindo uma história que começa em 1800, ainda no tempo da escravatura, e acompanha a vida dos seus antepassados, e por isso os seus livros acabam por seguir várias gerações....Até agora estou muito interessada nestes livros


obrigada pelo post =)
mc a 1 de Setembro de 2008 às 20:00

Há mesmo vários jovens autores que têm reexplorado géneros como este, criando mundos incríveis. Esta trilogia é sem dúvida uma das obras que os inspira, até porque já tem uma certa idade.

Também eu me afastei um pouco da fantasia... tenho andado pelos romances, pelos clássicos modernos. Estou a gostar, mas confesso que já estou com saudades de um pouco de aventura e fantasia.
Quanto aos autores portugueses, cada vez que leio um apaixono-me pela beleza e sentimentos que só as obras escritas na nossa língua conseguem ter. Infelizmente sei que não leio tantos quanto mereciam. No que toca a Luisa Beltrão, só conhecia algumas antologias em que participou, mas estive a fazer uma breve pesquisa e deu para ver que tem um vasta e interessante obra. Fica a referência, e espero não a esquecer...

Boas Leituras!!! :p
Fábio J. a 1 de Setembro de 2008 às 22:58

Acabei agr de ler este livro, e achei a historia fantastica.
Mas como comecei por ler livro, estou a ler agora os livros anteriores.

Parabéns a Anne McCaffrey por este fantástico livro.
pedro a 15 de Julho de 2009 às 03:18

Eu tenho o Dragão Branco na estante, mas ainda não o li, apenas e só, porque não li os primeiros livros da trilogia. Tenho de os comprar e ler, primeiro. Mas já pensei também ler já este volume.
Isso não afecta a compreensão da história?

Fiquei intrigado, agora.

Boas Leituras!
Fábio J. a 19 de Julho de 2009 às 00:14

ia eu hoje a passar numa livraria, entrei e vi este livro... pode-se dizer que me apaixonei por ele, e só não o comprei porque primeiro quero acabar de ler a saga Luz e Escuridão.

eu simplesmente adoro dragões... sou uma enorme fã da saga de Christopher Paolini, a Saga Ciclo da Herança (Eragon, Eldest e Brisingr) e desde que comecei a ler adoro dragões... claro que quando vi na livraria este livro e o outro da mesma triologia (A Demanda do Dragão) disse logo: eu quero ler esta triologia *-* e vou ler! Mal acabe a Luz e Escuridão vou logo comprar estes livros que de certeza não me vão decepcionar =) e sempre fico entretida enquanto espero pelo 4º livro da Saga Ciclo da Herança ^^
Cristiana a 12 de Agosto de 2009 às 00:25

Os dragões são criaturas realmente fascinantes. E o facto de cada autor os descrever com especificidades únicas ainda os torna mais interessantes.

Eu já tenho O Dragão Branco na estante há meses, mas estou à espera de comprar os dois livros precedentes da trilogia para o ler. E a vontade é muita pois a história não só é interessante como é uma espécie de clássico do género.
Espero lê-la em breve e, dessa forma, esperar pelo quarto do Ciclo da Herança.

Boas Leituras!
Fábio J. a 14 de Agosto de 2009 às 14:40

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
A ler...
Tales of Earthsea

Romeo and Juliet

comentários recentes
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
E Jack london?Eça de Queiros.....
Também adorei!:http://numadeletra.com/a-mancha-hum...
Quando será lançado o quarto livro em português do...
Estou agora a ler esse livro e este seu texto deu-...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


Leitores Online
online


O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa