Julho 11 2009
Tiago Rebelo é um conhecido romancista português. Ao longo dos anos tem acumulado leitores fiéis, graças às suas histórias de amor e literatura leve. Exemplo disso é o livro Eu e as Mulheres da Minha Vida, recentemente reeditado pela Editorial Presença e, pela primeira vez, assinado por este autor, em vez do original pseudónimo.
O título desta obra esconde muito pouco. O protagonista é Zé, um marido, pai e bancário sem ambições, com uma vida monótona e banal. Embora não se esforce para alterar o seu modo de vida, sonha com algo melhor. E quando recebe uma promoção inesperada e o súbito interesse da mulher mais bonita do banco, a mudança na sua vida é, simplesmente, inevitável.
Há medida que a história se desenvolve, a relação entre Zé e a colega torna-se mais complexa, começando a perturbar a relação conjugal daquele. E, para piorar, outras mulheres entram na sua vida… Esposa, amante, divertimento… Uma série de mulheres preenche o dia-a-dia de Zé, até ele perder o controlo.
Trata-se de um romance leve, mas bem construído, capaz de entreter e agradar. As personagens foram bem modeladas e a história oferece muito mais do que as aventuras extraconjugais do protagonista. É verdade que é em torno disso que tudo se desenvolve, mas é também verdade que essas aventuras obrigam Zé a reflectir sobre a sua vida, os seus propósitos e o seu futuro.
Ainda assim, a história não se destaca nem apresenta pormenores notáveis. É agradável, entretém e está bem escrita, fez-me rir (muito) e reflectir e em momento algum foi aborrecida ou desinteressante, mas, como provavelmente se espera deste tipo de narrativas, não arrebata nem maravilha.
Em resumo, Eu e as Mulheres da Minha Vida é um livro sobre o modo como um homem interpreta e usa as mulheres, homem esse que acaba por descobrir depender delas para viver e ser feliz. Uma leitura agradável para uma tarde bem passada.
Para além disso, fiquei curioso em relação a outras obras do autor.
Eu e as Mulheres da Minha Vida de Tiago Rebelo
Editorial Presença, 2009
Boas Leituras!
Publicado por Fábio J. às 23:13

Hummm.....acho que eu não ia curtir muito. Beijos!
carla martins a 13 de Julho de 2009 às 15:34

Se falarmos em "curtir", até era capaz de curtir, porque o livro proporciona umas boas gargalhadas e um bom entretenimento.
Não se trata é de um grande livro, isto é, na minha opinião claro. Mas é um bom livro.

É uma questão de gostar do género e experiementar.

Boas Leituras!
Fábio J. a 19 de Julho de 2009 às 00:04

No seguimento do post do Luís Rodrigues no SF SIGNAL, iniciou-se uma discussão aqui: http://correiodofantastico.wordpress.com/2009/07/11/e-ja-daqui-a-pouco/#comments

Escrevi um artigo sobre o assunto aqui:

http://correiodofantastico.wordpress.com/2009/07/18/a-literatura-fantastica-portuguesa-uma-reflexao/

é importante a discussão: Participa!

Roberto Mendes
R. Mendes a 18 de Julho de 2009 às 17:42

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
A ler...
Tales of Earthsea

Romeo and Juliet

comentários recentes
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
E Jack london?Eça de Queiros.....
Também adorei!:http://numadeletra.com/a-mancha-hum...
Quando será lançado o quarto livro em português do...
Estou agora a ler esse livro e este seu texto deu-...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


Leitores Online
online


O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa