Abril 11 2007
Consegui arranjar um tempo para escrever para o blog. Quem me dera ainda continuar livre como nas férias, mas não estou e não há nada a fazer. No entanto, este “regresso” não é assim tão mau. Ainda hoje tive uma verdadeira discussão (no bom sentido) sobre religião e, no fundo, naquilo que se crê sem ver.
Um dos meus colegas é totalmente céptico, mais do que ateu até, e dediquei muito do meu tempo a ouvir as suas “teses”. Infelizmente algumas pareceram-me verdadeiramente mal fundamentadas, e outras até ridículas: deveremos nós acreditar que na estratosfera estão os espíritos de todos os humanos que já morreram, no dito céu? Deveremos nós acreditar na metáfora do Adão e Eva, ou em centauros, lobisomens ou dragões? Sinceramente, questionar este tipo de coisas parece-me ridículo, pois é obvio que são mitos ou metáforas. A única explicação que encontro é falta de informação. Pessoas que pensam ser iluminados por verem algo que mais ninguém vê, mas que no fundo estão à margem do que a sociedade segue e acredita. Ler; o melhor é começar por ler... E não me alongo mais nisto que o post é sobre um livro.
Há uns tempo chegou até mim a notícia do lançamento de um livro que, supostamente, merecia a atenção dos amantes da leitura. Refiro-me a O Portão do Corvo, o mais recente livro de Anthony Horowitz, autor de Alex Rider, a ser publicado em Portugal. Na altura li sobre a obra e os seus dois primeiros capítulos, que achei entusiasmantes, mas só agora se proporcionou publicita-la.
O Portão do Corvo, primeiro livro da série O Poder dos Guardiães, dá início a uma história de duelismo entre o Bem e o Mal, envolvendo o leitor numa teia de sucessivas perguntas e respostas a um ritmo frenético.
Para saber mais basta visitar o blog da saga em Portugal, o site do autor ou da saga.

486

O Portão do Corvo de Anthony Horowitz

Até Breve e Boas Leituras!!!
Publicado por Fábio J. às 21:26

Abril 06 2007
Sexta-feira Santa, feriado religioso dos cristãos católicos e protestantes. A história e o início do protestantismo são sem dúvida muito interessantes, uma verdadeira revolução na Europa do século XVI. Mas esta história não é para aqui chamada, ou pelo menos directamente, embora seja o Vaticano o tema de fundo deste post.
E porquê o Vaticano, o pais mais pequeno do mundo e sede do catolicismo? A Resposta é simples: é o principal cenário de Anjos e Demónios, o livro de Dan Brown que ontem acabei de ler.
Mais uma vez temos como protagonista o professor de simbologia Robert Langdon, e imaginem só, é envolvido por uma sucessão de acontecimentos que não consegue controlar e que o fazem testar os seus conhecimentos mais profundos sobre simbologia religiosa tendo a seu lado, vejam lá, uma bela e desconhecida mulher que em muito o ajudará. Para emoldurar têm de fazer uma corrida contra o tempo. Antigas irmandades, personalidades históricas, descobertas que mudarão a Humanidade. Uma estrutura bastante parecida com a de O Código da Vinci, o best-seller que chegou depois desta obra...
Apesar de tudo isto a opinião não podia ser melhor. Confesso que um pouco do encanto se perdeu com a semelhança entre as obras, mas desde logo a minha mente perdeu-se entre as linhas e comecei a viver história. Não queria parar e ansiava por ler os acontecimentos seguintes, sem dúvida uma relevante característica das obras de Dan Brown.
Tudo começa quando Robert Langdon é chamado para identificar um estranho símbolo gravado no peito dum cientista do CERN. Logo que a vê, Robert percebe que a marca é de uma antiga Irmandade chamada Iluminatti, supostamente extinta há séculos e inimiga da Igreja Católica. Entretanto, no Vaticano, é descoberta um perigosa arma: a antimatéria. Juntamente com Victoria Vetra, Robert parte para Roma, seguindo as pistas perdidas dos Iluminatti para salvar os cardeais raptados e toda a Cidade do Vaticano.
De perder o fôlego, este livro tem um pano de fundo tão credível que é difícil perceber onde acaba a realidade e começa a ficção. Empolgante, vi-me suster a respiração nos momentos mais críticos desta aventura sentido que a naturalidade com que factos acontecem é verdadeira obra de Deus, um Deus que esta obra enaltece e repudia.
Apaixonante desde as primeiras páginas, vi-me envolvido nas conspirações e tramas, fazendo de detective e suspirando com cada descoberta inesperada. Reconheço que o final foi uma grande surpresa. E lamentei, mesmo, a morte de algumas personagens, principalmente depois de descobrir o que realmente aconteceu.
Esta obra foi tão arrebatadora que envolvia todo o meu ser. Sem dúvida o meu juízo sobre o livro é positivo, e bastante. Tal como com O Código da Vinci não acho que Igreja Católica seja prejudicada pela obra. A certa altura as palavras tinham exactamente o sentido contrário, exultando a necessidade da fé e duma Igreja viva.
Um enredo fascinante, uma narrativa viciante, uma história verosímil. Uma obra a não perder!
Anjos e Demónios de Dan Brown
Que os Anjos e os Demónios vos acompanhem, pois só assim a vida tem sentido.
Bom fim-de-semana e Boas Leituras!!!
Publicado por Fábio J. às 21:56

Abril 03 2007
Estava, ainda há pouco, a ver as novidades literárias na Webboom.pt quando me deparo com a confirmação duma dúvida que tinha: iria mesmo ser publicada, no próximo dia 17 de Abril, a nova obra póstuma de J. R. R. Tolkien? Pois bem, a resposta é sim.
Já disponível em pré-lançamento e a custar 20,07 €, Os Filhos de Húrin são a nova aposta da Europa-América e o novo complemento ao magnífico leque literário do mestre, sobre Arda. Não vou desenvolver esta notícia, contudo, podem ler mais aqui no blog.
E de um mestre passo para... uma mestre. Nos últimos tempos os fãs de Harry Potter têm ansiado pela data de publicação do Deathly Hallows e vibrado com a publicação de novidades. Mas se os livros desta saga são obras quase veneradas, nem todas as obras de J. K. Rowling o são.
Ainda com o Dia do Livro Infantil na memória, hoje venho apresentar uma das obras que servem de complemento ao incrível mundo criado por Rowling, um mundo misturado com o nosso mas com fantásticas particularidades. Assinado por Newt Scamander, um feiticeiro perito em monstros, Monstros Fantásticos & Onde Encontrá-los é um suplemento muito caricato a este mundo mágico.
Organizado sobre a forma de dicionário, este volume apresenta-nos todas as criaturas do mundo mágico potteriano, indicando a sua perigosidade, características e um pouco da sua história. Tem ainda um prefácio de Albus Dumbledore e uma pequena síntese da forma como nós, Muggles, conhecemos estes seres. A obra contém as notas do livro original de Harry Potter.
Unicórnios, fadas, dragões e vampiros são algumas já conhecidas, mas são muitos mais os mosntros listados, como o Kelpie, um intrigante ser que confunde homens no Lock Ness desde há séculos, ou o Runespoor, uma serpente com três cabeças.
É uma obra para fãs de Harry Potter e que lhe serve de complemento. E embora tivesse sido engraçado conhecer as verdadeiras facetas e histórias de fadas, dragões ou lobisomens, a verdade é pura e simplesmente isso, um complemento.
Não lhe atribuirei classificação por, segundo a UNESCO, não ser considerado um livro e ter uma estrutura diferente, sem enredo, personagens ou coerência narrativa. Contudo, devo dizer que é uma obra engraçada e bastante apropriada para os fãs de Harry Potter que querem muito voltar a este mundo.
Pelo menos 1,07 € desta obra revertem a favor da Comic Relief.
Monstros Fantásticos & Onde Encontrá-los de Newt Scamander
Até Breve e Boas Leituras!!!
Publicado por Fábio J. às 20:08

Abril 02 2007
Hoje dirigi-me aos Correios da minha zona, para enviar uma encomenda. Poderia falar dos problemas já mais que debatidos dos Serviços Públicos, mas a verdade é que não tive razão de queixa. Não gosto destas ideias preconcebidas, e até me deparei com uma iniciativa muito louvável: a venda livros ali, nos balcões dos correios. A iniciativa não é nova, no entanto, não deixa de ser um incentivo notável à leitura. Afinal de contas, o incentivo é necessário, e muito!
A prova disso é este dia. Comemora-se, hoje, o Dia Internacional do Livro Infantil, sem dúvida com grande importância. Este dia, 2 de Abril, foi escolhido por ser o dia de nascimento dum dos maiores mentores da literatura infantil. Um dos maiores e melhores: o escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, autor de, por exemplo, O Patinho Feio, O Soldadinho de Chumbo, A Pequena Sereia, entre centenas de outros emblemáticos contos.
Para assinalar este dia, o IBBY (International Board on Books for Young People) divulga anualmente uma mensagem de incentivo à leitura dirigida às crianças de todo o mundo. Este ano, coube à escritora Margaret Mahy, da Nova Zelândia, a elaboração da mensagem. Leiam, vale a pena.
Publicado por Fábio J. às 18:09

Abril 01 2007
Tinha planeado começar o post de hoje com alguma mentira, devido ao dia, mas não me lembrei de nenhuma que merecesse a exposição. Para além disso estou cansado e um pouco enraivecido por causa de desavenças com o meu PC. Mas nada de grave. A hora também não deve ajudar.
Mas como hoje começa um novo mês, que certamente trará novidades, é altura de dar o inquérito do blog por concluído e fazer a sua análise. Devo dizer que este mês fiquei surpreendido com os resultados, e pela forma como estes foram se apresentado ao longo do mês.
Colocava uma simples afirmação e esperava que os visitantes do blog a completassem de acordo com a sua opinião. O ponto inicial era simples: “Um livro, um ponto forte na Literatura”.
Como não podia deixar de ser o livro mais vendido e mais lido da história tinha de estar presente. Refiro-me, pois, à Bíblia, o pilar duma das maiores religiões do nosso tempo e certamente a mais influente. Este livro criou crenças, influenciou pessoas e povos, gerou guerras e foi elevado a símbolo de paz. Com parábolas, metáforas e um fundo histórico, este livro abriu as portas a novas mentalidades.
Mas talvez a Bíblia não tenha uma influência tão grande na literatura, embora a tenha na História. Outro livro que também usa um fundo histórico para criar ficção são Os Lusíadas, esta obra que simboliza Portugal. Confesso que acho esta narração épica fantástica, a todos os níveis. Mesmo morto, Camões merece os parabéns por ter criado a obra com a estrutura que tem e, ainda mais importante, com uma coerência e beleza fascinantes. É um marco na literatura portuguesa e muito dificilmente haverá obra igual.
No entanto, os tempos evoluem e séculos mais tarde as mentalidades são outras. É altura de criar algo de revolucionário. É altura de desenvolver a ficção e criar a Fantasia, e não há obra mais influenciadora do que a trilogia d'O Senhor dos Anéis, nesta área. Quanto são os títulos que apelam a referências ao mestre, nas suas capas? Quantas são as obras que incluem elfos, anões, orcs e outros seres da mitologia tolkiana? Muitos, garanto eu.
Apesar de tudo, existem fenómenos incríveis. Veja-se Harry Potter, uma saga que já vendeu mais de 300 milhões de cópias no nosso mundo globalizado. Esta série influenciou à leitura e não é raro ver jovens dizerem-se fãs da saga. Fãs de obras literárias! Haverá prova mais significativa do que estes livros representam. E também já vi muitos livros que apelam à magia e feitiçaria...
E falar de fenómenos literários é falar também de O Código da Vinci, uma das obras mais polémicas e imitadas do mundo. Já não é novidade quando vemos obras que invocam conspirações religiosas e símbolos perdidos nas nossas livrarias. Foi um estilo que se criou, disso não tenho dúvidas, e que demorará a se desvanecer.
Os visitantes escolheram Os Lusíadas como o ponto mais forte na literatura. É sem dúvida um marco incontornável na escrita portuguesa e uma verdadeira lição ao mundo inteiro, tanto da capacidade portuguesa, como da sua fantástica História.
Existem livros... e livros, mas nem todos são iguais. Há que reconhecer que uns criam estilos ou modas, outros influenciam nações e modificam a história. É este o poder dum livro e é o poder que devemos que devemos respeitar.
____________________________________

Um livro, um ponto forte na literatura:

 

16.31% Bíblia
24.82% Os Lusíadas
19.85% O Senhor dos Anéis
24.11% Harry Potter
14.89% O Código Da Vinci

 

Total: 141 respostas

 

Até Breve e Boas e marcantes Leituras!!!

Publicado por Fábio J. às 23:59

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
comentários recentes
Um religioso falando em delírios... chega a ser pa...
-Crónica de uma morte anunciada...vi esse filme em...
Realmente, sou fascinada por este livro, maravilho...
ta fixe tou a lero segundo:tuneis  aventura n...
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D




O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa