Maio 13 2007
Falta de tempo e problemas (ainda não resolvidos) com o computador fizeram com que só hoje pudesse publicar algo. Para além disso, não existem grandes novidades sobre o que ando a ler. Desde já as minhas desculpas pelo tempo de desactualização.
Mas para aqueles que se perguntam sobre novas da Trilogia da Herança, de Paolini, trago aqui notícias do Eragon-Shurtuga, embora não oficiais. Segundo consta a data de lançamento do 3º e último livro da trilogia será divulgada neste Verão. Mais do que isto é pura especulação.
A ocupação também não me deixou avançar muito em As Duas Torres, mas pela metade que já li este parece ser um livro mais dinâmico do que o primeiro da trilogia. Mas só no final poderei dar opinião.
Como já há uma semana que não passo por aqui, eis a altura de publicar algo sobre um novo livro. Desta vez toca a Daniel Silva, com a sua obra A Mensageira. Americano, neto adoptivo dum açoriano mas que nunca visitou os Açores, tem 44 anos e é judeu, apesar de ter sido educado como católico. Descreve-se como “um tipo simpático (...) e que, por acaso, escreve bons livros”, mas a realidade é que os seus livros têm um carácter assumidamente comercial. Já escreveu 8 e foram todos best-sellers.
Os seus livros giram em torno da conspiração, num género claramente pós-Código da Vinci, onde politica, religião e sociedade lutam em segredo. Tem 4 livros publicados em Portugal, pela Bertrand: O Confessor, Príncipe de Fogo, Morte em Viena e A Mensageira, por ordem de publicação.
Em A Mensageira acompanhamos Gabriel Allon, um restaurador de arte e espião que está prestes a enfrentar o maior desafio da sua vida. Tudo começa quando um alegado simpatizante da Al-Qaeda é morto em Londres, e no seu computador são encontradas fotografias que levam os serviços secretos israelitas a desconfiar de que a organização terrorista prepara um dos mais arrojados atentados de sempre, no coração do Vaticano.
O Vaticano é alertado mas o inimigo já se infiltrou. A partir daí, Allon irá travar um mortífero duelo de astúcia contra um dos homens mais perigosos do mundo que o levará de uma galeria londrina a uma ilha paradisíaca nas Caraíbas, a um isolado vale na Suíça e, por fim, de regresso ao Vaticano.
“Com a sua intriga intensa e imprevisível, A Mensageira consolida a reputação de Daniel Silva como o melhor autor de thrillers internacionais da sua geração”. “Uma narrativa fascinante de enredos, poder e vingança, pelo campeão de vendas do New York Times, um dos melhores escritores mundiais de ficção de espionagem.”
Assumido como um escritor para entretenimento, Daniel Silva é ainda um autor pouco conhecido em Portugal (quem sabe por causa do nome) mas que começa a conquistar verdadeiros fãs. Comparado a John Le Carré, Graham Greene ou Tom Clancy (mestres de romances em que a espionagem e a guerra fria eram paraíso e purgatório), este é um escritor que fará o leitor passar bons momentos.
Eu lerei...   
A Mensageira de Daniel Silva
Boa Semana e Boas leituras!
Publicado por Fábio J. às 20:02

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
comentários recentes
Muito boa tarde, gostaria de comprar o livro o alq...
O livro pareçeme intereçante eu vou começalo a ler...
Um religioso falando em delírios... chega a ser pa...
-Crónica de uma morte anunciada...vi esse filme em...
Realmente, sou fascinada por este livro, maravilho...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D




O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa