Maio 09 2008
A poucas semanas do Verão, começa-se agora a projectar muitas das actividades e eventos culturais que ocorrem ao ar livre e que já caracterizam a estação. As feiras do livro são um bom exemplo desses eventos, levando as pessoas até à rua para passearem entre os livros expostos e autores convidados mas, principalmente, para comprar aquelas obras que guardamos para ler nas férias ou são lançadas nesta época tão representativa.
A verdade é que, tal como para todos os outros bens que usamos diariamente, cada livro tem um valor, não só o cultural (geralmente indubitável), mas também económico. As feiras do livro representam, logo neste campo, uma oportunidade para aqueles que pretendem adquirir novos títulos em promoções, descontos, ofertas... Mas, constituíram as feiras do livro verdadeiras oportunidades de compra, no actual mercado editorial português e internacional, dominado tanto pela crescente popularização do livro como pelo marketing?
A maioria dos visitantes deste blog considera que sim. É um facto que muitas editoras, juntamente com as câmaras municipais a que se associam, conseguem proporcionar aos visitantes destas feiras alguns preços de venda bastante interessantes ou, em alguns casos, impressionantes. No entanto, regra geral, não consigo descortinar uma real vantagem económica nas feiras do livro.
Criticados por muitos, adorados por outros, os descontos das livrarias virtuais constituem nos dias de hoje uma real e constante oportunidade para quem tem por habito comprar novos títulos. Adaptando-se a esta realidade, também as livrariam convencionais há muito adoptaram o já tradicional (e quase obrigatório) desconto de 10% sobre o preço de editor.
Relembrando as comuns campanhas que as livrarias virtuais fazem ao longo do ano (seja no Natal, no Dia Mundial do Livro, no Dia do Pai ou da Mãe, da Mulher, etc, etc) e a cada vez maior utilização da Internet, bem como o aumento das cadeias de livrarias por todo o país fica claro que, para quem quer comprar livros a preços mais baixos, as opções são muitas.
Não pretendo, com isto, desvalorizar as feiras do livro enquanto evento cultural, local de encontro entre os escritores e os leitores, os editores e o publico, os livros e os seus admiradores. Quanto a isso são, certamente, muito importantes. Mas a realidade é que, no que toca aos preços, as feiras dos livros tem cada vez menos de novo para oferecer.
Curiosamente, tive hoje a oportunidade de vir a participar numa feira do livro da minha zona, como vendedor. Ainda não decidi, mas certamente seria interessante passar horas entre livros e, mais interessante ainda, estar em contacto directo com os visitantes, nos bastidores, tentando perceber se, afinal, as feiras do livro ainda são sinónimo de verdadeiras oportunidades de compra.
    

Feira do livro é sinónimo de boas oportunidades de compra?
 

73.68% Sim
7.01% Não
14.03% Talvez noutros tempos
5.26% Não sei

 

Total: 114 respostas

 

Boas Leituras e boas compras!

 

Publicado por Fábio J. às 23:57
Tags: ,

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
comentários recentes
Muito boa tarde, gostaria de comprar o livro o alq...
O livro pareçeme intereçante eu vou começalo a ler...
Um religioso falando em delírios... chega a ser pa...
-Crónica de uma morte anunciada...vi esse filme em...
Realmente, sou fascinada por este livro, maravilho...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D




O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa