Outubro 17 2009
João Tordo venceu hoje a 6ª edição Prémio José Saramago com o livro As Três Vidas, editado em 2008.
Em 2004, o autor estreou-se com O Livro dos Homens Sem Luz. Em 2007, publicou Hotel Memória e, em 2008, escreveu, em parceria, o guião para a longa-metragem Amália, a Voz do Povo. Em 2001, venceu o Prémio Jovens Criadores.
Esta distinção, criada pela Fundação Círculo de Leitores com o apoio do Instituto Português do Livro e das Bibliotecas, celebra a atribuição do Prémio Nobel da Literatura ao escritor José Saramago e visa "promover a divulgação da cultura e do património literário em língua portuguesa, através do estímulo à criação e dedicação à escrita de jovens autores no domínio da ficção, romance ou novela em língua portuguesa, por escritores com idade até 35 anos".
No valor de 25 mil euros e periodicidade bienal, o prémio existe há 10 anos e já foi entregue a Paulo José Miranda (1999 - Natureza Morta), José Luís Peixoto (2001 - Nenhum Olhar), Adriana Lisboa (2003 - Sinfonia em Branco), Gonçalo M. Tavares (2005 - Jerusalém) e Valter Hugo Mãe (2007 - O remorso de Baltasar Serapião).
O anúncio foi feito durante o Escritaria 2009, um conjunto de homenagens ao escritor José Saramago realizadas pela Câmara Municipal de Penafiel, e contou com a presença do Nobel português.
As Três Vidas de João Tordo
Temas e Debates, 2008
Sem dúvida um autor e uma obra a conhecer.
Publicado por Fábio J. às 22:28

Dezembro 15 2007
Este foi um Sábado semelhante a tantos os outros, com uma tarde ocupada e aborrecida, mas quando me lembrei de ler os últimos comentários do blog eis que leio: “Ganharam! Os meus parabéns”. Confesso que senti um momentâneo friozinho na barriga, e que minha disposição mudou.
Tal como aqui publiquei na passada quarta, este blog foi nomeado em duas categorias, Artes e Cultura e Literatura, na iniciativa Melhor Blog Português 2007. Pois bem, como já transpareci em cima, o blog Os Livros revelou-se hoje vencedor, obtendo o primeiro lugar na categoria Artes e Cultura e o segundo no que toca aos blog sobre Literatura.
Mais uma vez reforço a minha opinião sobre o quão relativa pode ser a amostra mas, embora eu próprio possa apontar bons blogs com tema semelhante ao meu, é muito gratificante saber que um júri, independente e bem formado (julgo eu), se decidiu pela minha criação. A eles um muito obrigado, bem como àqueles que me nomearam e/ou visitam este blog. Parabéns, também, aos restante nomeados e ao vencedor da categoria Literatura.
E já que estou numa de prémios, agradeço também ao Rastr por me ter atribuído o Diz que até não é um mau blog. Segundo as regras deste, devia enunciar 7 blogs que considere bons. Em vez de sete, dedico-o a todos aqueles que se esforçam e, mesmo sem receberem nada, muitas vezes sem receberem um comentário que seja, continuam a publicar nos seus blogs, ajudando a aumentar a comunidade portuguesa contribuindo, muitas vezes, com as suas criações alternativas e de qualidade.
Pergunto-me agora o que estaria eu a fazer neste momento se não tivesse criado o blog... e ainda dizem que ter um blog não influencia a vida duma pessoa?
Obrigado aos meus visitantes. Que possa fazer ainda mais e melhor.
Até Breve!
Publicado por Fábio J. às 23:18
Tags: ,

Dezembro 12 2007
Sei que o blog tem estado parado, como que congelado pelo frio destes dias, mas agora prometo alterar este estado letárgico, pelo menos nos próximos tempos. Finalmente! terei tempo para descansar e me dedicar a outras tarefas, entre elas a actualização do blog.
Antes de mais, fica aqui o registo do facto e o agradecimento a quem o proporcionou: a nomeação deste blog na iniciativa Melhor Blog Português 2007. Sinceramente, não vejo porque me congratular: é bom continuar na “corrida” e perceber até que ponto um trabalho que faço de livre e espontânea vontade, por prazer, pode ser reconhecido e apreciado, mas tenho noção que este “melhor” é bastante relativo, principalmente devido à reduzida amostra. Mas reforço o contentamento e a expectativa. Boa sorte aos restantes nomeados na categoria Artes/Cultura.
Nos próximos dias aparecerei por aqui... Pretendo comentar uns livros com que me tenho deparado, mas não hoje.
Até lá, Boas Leituras!!!
Actualização (13/12/07): Acabo de saber que o blog está também nomeado na categoria Literatura. O regulamento não permitia a nomeação em duas categorias, mas, ao que parece, foi alterado. Obrigado a quem nomeou este blog. Começo a ficar curioso...
Publicado por Fábio J. às 23:53
Tags: ,

Julho 26 2007
Supostamente deveria publicar algo mais frequentemente, mas a verdade é que nestes últimos dias não tem sido possível e tenho ocupado o meu tempo em outras actividades. Para além disso não tenho nenhum livro na cabeceira, logo não há novas opiniões para dar. Mas há notícias...
Para quem ainda não sabe o que ler nas férias ou pura e simplesmente procura novas obras, uma lista dos melhores livros dos últimos anos, elaborada por leitores, pode ser uma grande ajuda, e o mais importante, uma ajuda testada.
De forma a comemorar o 25 º aniversário, a principal cadeia de livrarias da Grã-Bretanha, a Waterstone’s, decidiu lançar um concurso para eleger os 25 melhores livros dos últimos 25 anos. De uma selecção de 100 títulos elaborada pela rede de livrarias, o público votou e elegeu os 25 melhores.
A iniciativa é interessante, mas é importante lembrar que os títulos pertencentes a esta lista foram escolhidos pelo público e não por profissionais da área, como é, aliás, entendido pela presença de alguns títulos, de certa forma denegridos pela crítica. No entanto, existe um lado positivo pois, se foram os leitores que escolheram (milhares deles), é bem provável que também nós nos interessemos pelas obras. Algumas delas são até bastante conhecidas do grande público.
Sem mais delongas, aqui fica a lista que, por uma questão prática, apresenta os títulos na versão portuguesa. Para três deles não consegui confirmar a existência da versão portuguesa e, por isso, encontram-se com o título em inglês.
Uma última nota para o facto de Raymond E. Feist ser o único autor que, segundo o que pude constatar, não tem nenhuma obra traduzida, e para a sequência dos títulos, que segue fielmente a original, sendo a obra de J. K. Rowling a vencedora e a de Kate Mosse e vigésima quinta mais votada.
Ver lista )
De todos estes livros li apenas dois, Harry Potter e a Pedra Filosofal e O Código da Vinci, mas existem outros que já se encontravam na minha “lista” e pelos quais agora estou um pouco mais curioso. Dei uma vista de olhos a todos os títulos (o que recomendo fazer) e encontrei premissas bastante interessantes de obras que não conhecia.
Pessoalmente, e sabendo que a lista tem o valor que os leitores lhe dão e não mais do que isso, apenas terei mudado a minha opinião (já que fiquei curioso) em relação a O Nome da Rosa, O Labirinto Perdido e A História Secreta, obras que conhecia mas que, até agora, não me suscitavam interesse.
Com a aprovação dos leitores, provavelmente estas obras e estes escritores serão interessantes e, por isso mesmo, uma boa escolha para aqueles que não sabem o que ler ou não o estão habituados a fazer.
Espero que, de alguma forma, esta lista vos tenha sido útil. Fico à espera da vossa opinião sobre os “eleitos” e sobre os títulos que já leram...
Boas férias e Boas Leituras!!!
Publicado por Fábio J. às 19:57

Um blog sobre livros e afins. A descongelar lentamente...
Contacto
Contacto

As mensagens poderão não ser lidas por extensos períodos. Pedidos de divulgação e/ou colaboração poderão não obter resposta.
pesquisar
 
comentários recentes
Um religioso falando em delírios... chega a ser pa...
-Crónica de uma morte anunciada...vi esse filme em...
Realmente, sou fascinada por este livro, maravilho...
ta fixe tou a lero segundo:tuneis  aventura n...
<a href='http://www.cricinfobuzzlive.com/live-c...
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D




O autor deste blog não respeita o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa